Presidentes

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa

Cruzeiro do Sul

 

É o distintivo de grau máximo do Ramo Lobinho e para condecorar uma criança que atenda a todos os requisitos é necessária a aprovação da Diretoria do Grupo Escoteiro (ou Unidade Escoteira Autônoma) e a homologação pela Diretoria Regional. O distintivo e o certificado é enviado/emitido pela Diretoria Executiva Nacional. 

 

Quais são os requisitos para a conquista do Cruzeiro do Sul?

• Tenha conquistado todas as atividades previstas no 2º Guia do Caminho da Jângal;

• Tenha participado de, no mínimo, três acampamentos ou acantonamentos;

• Tenha conquistado, no mínimo, cinco especialidades em pelo menos três ramos de conhecimentos diferentes;

• Tenha conquistado uma das quatro Insígnias de Interesse Especial do Ramo Lobinho: Insígnia Mundial Escoteira de Meio Ambiente, ou a Insígnia da Lusofonia, ou Insígnia do Cone Sul, ou a Insígnia da Boa Ação;

• Seja recomendado pelos Velhos Lobos e pela Roca de Conselho por ser um Lobinho dedicado, frequente às atividades da Alcateia e cumpridor da Lei e Promessa do Lobinho.

 

Como é este distintivo?

É um distintivo redondo de tecido azul marinho com 4,5 cm de diâmetro, debruado em amarelo, tendo ao centro o Cruzeiro do Sul, também bordado em amarelo

 

Onde costurar?

O distintivo deve ser colocado na manga direita da camisa.

 

Qual é o prazo para uso do distintivo?

Este distintivo pode ser usado até o jovem conquistar o distintivo Lis de Ouro, ou, caso isto não aconteça, até sua saída do Ramo Escoteiro.

 

Lobinhos condecorados com o Cruzeiro do Sul:

  • Bruno Cezar de Oliveira - 2007
  • João Pedro Völker - 2007
  • João Victor Rodrigues dos Santos - 2007
  • João Vítor Zappala Jungblut - 2010
  • João Antônio Klippel Constanza - 2011
  • Lucas Nunes Ribeiro - 2011
  • Eduardo Muraro - 2011

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Lis de Ouro

 

É o distintivo de grau máximo do Ramo Escoteiro e para condecorar um jovem que atenda a todos os requisitos é necessária a recomendação da Corte de Honra e da Chefia da Tropa Escoteira, a aprovação da Diretoria do Grupo Escoteiro (ou Unidade Escoteira Autônoma) e a homologação pela Diretoria Regional. O distintivo e o certificado é enviado/emitido pela Diretoria Executiva Nacional. 

 

 

Quais são os requisitos para a conquista da Lis de Ouro?

• Tenha realizado a totalidade das atividades previstas no Guia da Aventura Escoteira - Rumo e Travessia;

• Possuir o Cordão Vermelho e Branco;

• Possuir uma das seguintes Insígnias de Interesse Especial do Ramo Escoteiro: Insígnia Mundial do Meio Ambiente, Insígnia da Lusofonia, Insígnia Cone Sul ou Insígnia da Ação Comunitária; 

• Possuir pelo menos 10 noites de acampamento, como Escoteiro, com sua Patrulha ou Tropa Escoteira;

• Possuir a Insígnia da sua respectiva modalidade (Aviador, Grumete e Explorador), do Ramo Escoteiro.

 

Como é este distintivo?

É um distintivo em forma de elipse, com eixos horizontal e vertical medindo, respectivamente, 5 cm e 6 cm, debruada em ouro, bordado sobre tecido azul; o interior da elipse é ocupado pelo desenho de uma Flor de Lis, também bordado em ouro sobre fundo azul.

 

Onde costurar?

Este distintivo deve ser usado na manga direita da camisa, abaixo do distintivo de patrulha.

 

Qual é o prazo para uso do distintivo?

Este distintivo pode ser usado até o jovem conquistar o distintivo Escoteiro da Pátria, ou, caso isto não aconteça, até sua saída do Ramo Sênior.

 

CORDÃO DE EFICIÊNCIA VERDE E AMARELO - Concedido pela Diretoria do Nível Local a que se encontra vinculado o jovem, por proposta dos escotistas da Seção, ao Escoteiro especialmente recomendado pela Corte de Honra de sua Tropa que possuir, no mínimo, seis especialidades distribuídas nos cinco Ramos de Conhecimento, em qualquer nível. O Cordão é um trançado com um fio verde e outro amarelo.

O Cordão é usado em volta do ombro direito até o jovem conquistar o Cordão de Eficiência Vermelho e Branco ou deixar o Ramo Escoteiro. Com comprimento total máximo de 130 cm.

CORDÃO DE EFICIÊNCIA VERMELHO E BRANCO - Concedido pela Diretoria do Nível Local a que se encontra vinculado o jovem, por proposta dos escotistas da Seção, ao Escoteiro portador do Cordão de Eficiência verde e amarelo e especialmente recomendado pela Corte de Honra de sua Tropa que possuir, no mínimo, doze especialidades, estando entre estas especialidade conquistadas, a especialidade de Primeiros Socorros, no nível 2, e mais três especialidades do Ramo de conhecimentos Serviços, todas no nível 2. O Cordão é um trançado com um fio vermelho e outro branco.

O Cordão é usado em volta do ombro direito, em substituição ao Cordão Verde e Amarelo, até o jovem deixar o Ramo Escoteiro. Com comprimento total máximo de 130 cm.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Escoteiro da Pátria

 

É o distintivo de grau máximo do Ramo Sênior e para condecorar um jovem que atenda a todos os requisitos é necessária a recomendação da Corte de Honra e da Chefia da Tropa Sênior, a aprovação da Diretoria do Grupo Escoteiro (ou Unidade Escoteira Autônoma) e a homologação pela Diretoria Regional. O distintivo e o certificado é enviado/emitido pela Diretoria Executiva Nacional. 

 

 

Quais são os requisitos para a conquista do Escoteiro da Pátria?

• Tenha realizado a totalidade das atividades da Etapa Azimute;

• Tenha conquistado o Cordão Dourado;

• Possua uma das seguintes Insígnias de Interesse Especial do Ramo Sênior: Insígnia Mundial do Meio Ambiente, Insígnia da Lusofonia, Insígnia Cone Sul ou Insígnia do Desafio Comunitário.;

• Possua pelo menos 10 noites de acampamento, como Sênior, com sua Patrulha ou Tropa;

• Possuir a Insígnia da sua respectiva modalidade (Aeronauta, Naval ou Mateiro), do Ramo Sênior.

 

Como é este distintivo?

É um distintivo em forma de elipse, com eixos horizontal e vertical medindo, respectivamente, 4,5 cm e 5,5 cm, debruada em ouro, bordada sobre tecido verde; o interior da elipse é ocupado pelas Armas da República, bordadas em ouro e prata sobre fundo verde.

 

Onde costurar?

Este distintivo deve ser usado na manga direita da camisa, abaixo do numeral do Grupo Escoteiro.

 

Qual é o prazo para uso do distintivo?

Este distintivo pode ser usado até o jovem conquistar o distintivo Insígnia de B-P, ou, caso isto não aconteça, até sua saída do Ramo Pioneiro.

 

Condecorados com o Escoteiro da Pátria:

  • Jonathan Giulian Conzatti - 2008
  • Tiago Lamela Nogueira da Silva - 2008

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Insígnia de BP

 

É o distintivo de grau máximo do Ramo Pioneiro e para condecorar um jovem que atenda a todos os requisitos é necessária a aprovação da Diretoria do Grupo Escoteiro (ou Unidade Escoteira Autônoma) e a homologação pela Diretoria Regional. O distintivo e o certificado é enviado/emitido pela Diretoria Executiva Nacional. 

 

Quais são os requisitos para a conquista da Insígnia de B-P?

• Tenha realizado 100% das atividades do Guia do Projeto Pioneiro;

• Tenha revisado seu Plano de Desenvolvimento Pessoal (Projeto de Vida);

• Tenha elaborado e executado um projeto pessoal, de relevância, com duração de no mínimo quatro meses, de sua livre escolha, cujo conteúdo seja aprovado pela Comissão Administrativa do Clã, que deverá cobrir os seguintes aspectos:

 

- Cujo conteúdo atenda uma das áreas prioritárias: Serviço, Natureza, Trabalho ou Viagem;

- Escolha da ideia;

- Planejamento e programação;

- Organização;

- Coordenação;

- Execução;

- Avaliação;

- Relatório

 

Como é este distintivo?

É um distintivo em forma de elipse, na cor vermelha, dentro do qual está bordada a flor de lis, a forquilha pioneira e a assinatura de BP..

 

Onde costurar?

Deve ser costurado na manga direita da camisa.

 

Qual é o prazo para uso do distintivo?

Este distintivo pode ser usado até a saída do jovem do Ramo Pioneiro.

 

Condecorados com a Insígnia de B-P:

  • Thiago Torres Kossman - 2003
  • Giovanni do Nascimento Diettrich - 2003
  • Dandara da Silva Minossi - 2007
  • Eduardo Donadon da Silva - 2007
  • Lucas Nichele de Moura - 2009
  • Tiago Lima Selau - 2009